saudeLOGO Created with Sketch.

Qual a melhor fonte de carboidrato: macarrão ou arroz?

Veja qual compensa mais colocar no prato

Macarrão e arroz são os representantes mais famosos do grupo dos carboidratos, nutrientes que fornecem energia rápida. Mas, na hora de montar a refeição principal, qual deles priorizar?

Na visão do nutricionista Matheus Motta, do programa Vigilantes do Peso, o arroz tem lá suas vantagens. “Quando o colocamos no prato, parece que está faltando algo. Daí, incluímos uma fonte de proteína, como carne, frango ou peixe, além de salada e legumes”, observa.

Sem falar no clássico duo com o feijão que, diga-se de passagem, forma uma mistura perfeita. Afinal, os aminoácidos que estão no arroz são justamente os que faltam no feijão e vice-versa. A junção culmina em uma proteína completa.

Veja também

No caso do macarrão, a impressão é a de que ele basta (junto com um molho e, talvez, o queijo ralado). Assim, contemplamos apenas um grupo nutritivo – e corremos o risco de exagerar nele. Para driblar a armadilha, Motta sugere comer a massa com salada e uma fonte de proteína magra. Ainda de acordo com ele, seja arroz, seja macarrão, o ideal é que o grupo dos cereais – do qual esses alimentos fazem parte – ocupe somente um quarto do prato. Se puder apostar nas versões integrais, ricas em fibras, tanto melhor.

Compare os dados nutricionais dos dois alimentos

Energia
Arroz – 124 cal
Macarrão – 141 cal

Fibras
Macarrão – 1,5 g
Arroz – 0,49 g

Proteínas
Macarrão – 4,7 g
Arroz – 2,3 g

Folato
Macarrão – 7 mcg
Arroz – 3,2 mcg

Carboidratos
Arroz – 25,4 g
Macarrão – 28,3 g

Potássio
Arroz – 45 mg
Macarrão – 31 mg

PLACAR SAÚDE

Arroz 3 x 3 Macarrão

(Os valores se referem a 100 gramas dos alimentos, algo como 4 colheres de sopa)

Veja também

Fonte: Tabela de Composição de Alimentos, de Sonia Tucunduva Philippi