Clique e assine VEJA SAÚDE por R$ 6,90/mês
O Fim das Dietas Por Blog Antonio Lancha Jr., professor da Escola de Educação Física e Esporte da USP e autor do livro O Fim das Dietas (Ed. Abril), indica como emagrecer sem cair em promessas furadas.

Os riscos da chamada tríade da mulher atleta

Fazer dietas muito restritivas leva ao quadro, que é responsável por bagunçar o ciclo menstrual e prejudicar os ossos

Por Antonio Lancha Jr. - Atualizado em 5 Jul 2019, 17h38 - Publicado em 3 Jun 2019, 15h39

Quando surgiu o termo “tríade da mulher atleta”, ele dizia respeito inicialmente a maratonistas e ginastas. Mas, hoje, sabe-se que a condição, caracterizada sobretudo por irregularidades no ciclo menstrual, pode afetar mulheres que não são necessariamente atletas nem fazem exercícios de alta intensidade.

O problema pode aparecer entre quem segue uma restrição calórica importante com o intuito de eliminar gordura. Os riscos do quadro, como perda de densidade mineral óssea, foram abordados no congresso do Colégio Americano de Medicina do Esporte, que aconteceu recentemente em Orlando, nos Estados Unidos.

Conto mais sobre o tema no vídeo abaixo:

Publicidade