saudeLOGO Created with Sketch.

Massagear o parceiro traz bem-estar a ambos

A técnica reduz o estresse e facilita o enfrentamento de problemas, dizem cientistas

Já está bem documentado que receber massagem profissional apresenta vantagens para a saúde. Mas pesquisadores da Universidade Northumbria, no Reino Unido, decidiram avaliar se há ganhos quando um casal minimamente treinado se massageia. A resposta? Sim.

Para realizar a experiência, os estudiosos recrutaram 38 participantes (ou seja, 19 casais). Essas pessoas fizeram um curso de massagem com duração de três semanas e preencheram questionários antes e depois das sessões relaxantes – as perguntas avaliavam questões associadas a bem-estar físico e mental, estresse, facilidade de enfrentamento de problemas e satisfação com o relacionamento.

 

Veja também

 

Tudo melhorou após a massagem mútua. Para ter ideia, o bem-estar, a percepção de estresse e a capacidade de lidar com situações difíceis não só foram impactados positivamente como permaneceram assim três semanas depois do fim do curso.

Agora, o mais importante: os resultados benéficos atingiram tanto quem recebia a massagem como aqueles que a faziam. Não à toa, 91% dos casais relataram que recomendariam essa prática para seus amigos e familiares.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s