saudeLOGO Created with Sketch.

Marcio Atalla lança projeto para mudar hábitos de uma cidade inteira

A iniciativa, que dará origem a um trabalho científico, buscará estimular a prática de atividade física e uma alimentação mais balanceada junto à população de Jaguariúna, no interior paulista

O professor de educação física Marcio Atalla comandará um projeto inédito para incrementar os índices de saúde de um município brasileiro. Pautado pelo combate ao sedentarismo e às más escolhas alimentares, o programa batizado Vida de Saúde convidará, a partir deste mês, os habitantes de Jaguariúna — cerca de 50 mil pessoas — a aderir a uma rotina mais movimentada e vantajosa ao organismo.  A meta é reduzir as estatísticas de obesidade e outros problemas de saúde pública que assolam (e preocupam) a população desta e de outras cidades brasileiras. 

Aproveitando o cadastro dos moradores do município para uso dos serviços públicos (o chamado Cartão Cidadão), o programa vai monitorar de perto a adesão dos habitantes e as mudanças proporcionadas pelas intervenções. Antes e depois do projeto, que deve se encerrar em dezembro, Atalla e pesquisadores colaboradores da Universidade de São Paulo e da Faculdade de Jaguariúna irão avaliar peso, circunferência abdominal, nível de atividade física, dieta, bem como as taxas de colesterol, triglicérides, glicemia e proteína C-reativa dos participantes — esses são marcadores que indicam o risco de doenças, como os males cardiovasculares. Tudo isso dará origem a um estudo que vai mensurar o impacto da campanha e das intervenções na saúde da população.  

Para que o acompanhamento seja mais efetivo e fique mais fácil engajar os cidadãos, a iniciativa disponibilizará um aplicativo para celulares e computadores. Essa plataforma digital permitirá manter um diário de atividade física e alimentação e trará orientações nutricionais e sugestões de treino.

A ideia de Atalla é criar um programa democrático tanto do ponto de vista da participação — crianças e idosos estão contemplados —, como pelo viés da atividade física. As mudanças na rotina e a adesão aos exercícios serão guiadas de acordo com o dia a dia do indivíduo. Nesse pacote de ajustes entram inclusive medidas simples como se mexer no trabalho e usar mais escadas em vez do elevador. E o foco, de acordo com o professor, é incentivar o combate ao sedentarismo a partir da escola e da empresa.

A ambição, aliás, é engajar a cidade em todas as esferas. Restaurantes serão convidados a bolar cardápios e opções mais balanceadas. Supermercados poderão criar carrinhos com espaço destinado aos alimentos in natura… “O meio ambiente influencia muito nossas escolhas”, justifica Atalla. 

O projeto Vida de Saúde começa no fim do mês com uma caminhada no centro cultural de Jaguariúna. Uma série de atividades está contemplada no cronograma, como oficinas de culinária e aulas de ginástica. Os organizadores do programa pretendem relatar toda a experiência em um videodocumentário. 

“O sistema de saúde do país está quebrado. Precisamos pensar em estratégias diferentes para melhorar nossa qualidade de vida e dar uma vida melhor para nossos filhos. É o que pretendemos fazer com esse projeto ao mostrarmos os resultados das intervenções”, diz Atalla.