Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Brasileiro tem dieta monótona

Boa parte do consumo alimentar se concentra em apenas dez itens

Por Goretti Tenorio 20 fev 2021, 13h03

A informação saiu de um estudo conduzido por Walter Belik, professor de economia da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). “Isso é resultado de um padrão alimentar que faz com que o consumidor baseie suas preferências em conveniência, propaganda e preço”, analisa Belik.

Segundo o trabalho, os itens que o brasileiro mais consome são arroz, feijão, pão francês, carne bovina, frango, banana, leite, refrigerante, cerveja e açúcar cristal.

“O custo de uma alimentação saudável muitas vezes é maior que o de uma comida calórica e pouco nutritiva”, justifica. Não à toa, vem crescendo a participação dos alimentos ultraprocessados na dieta, ofertando muito mais carboidratos e pouca variedade nutricional.

Riqueza desperdiçada

A diversidade dos biomas não se reflete na variedade dos cultivos pelo país. Veja:

+ 36 espécies de frutas ocupam uma área de cultivo de 1,7 milhão de hectares

+ Dessas, duas são responsáveis por quase metade da produção: laranja (29,7%) e banana (18,2%)

  • Comemos muito macarrão instantâneo

    Para piorar a história contada aí em cima, saiu um ranking que coloca o Brasil como o 10° país que mais consome esse alimento. “O maior risco é a quantidade de sódio e os realçadores de sabor que vêm junto no pacote”, comenta a nutricionista Caroline Codonho, do Rio de Janeiro.

    Para quem busca praticidade num dia corrido, ela sugere: “Aposte em macarrões fininhos, que cozinham rapidamente. Para o molho, tomates maduros picadinhos, azeite, alho, cebola, sal na medida e manjericão”. Prático, saboroso e muito mais saudável.

    Continua após a publicidade
    Publicidade