Assine VEJA SAÚDE por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Receita científica contra o bafo de alho

Associar o tempero ao iogurte ajuda a neutralizar o cheiro e melhorar o hálito após a ingestão

Por Regina Célia
17 nov 2023, 14h03

Reza a lenda que as tranças do bulbo espantam até vampiro. Fábulas à parte, o fato é que o odor do alho, vindo de moléculas da família do enxofre, afasta muita gente de verdade.

Tanto que estudiosos da Universidade do Estado de Ohio, nos Estados Unidos, resolveram investigar possíveis antídotos.

E o iogurte despontou como um dos melhores recursos.

Com o auxílio de aparelhos que medem a concentração e liberação de substâncias voláteis, verificou-se que a mistura de proteína e gordura do lácteo é eficaz na desodorização.

Inclusive, quanto mais gorduroso e proteico o produto, caso do tipo grego, tanto melhor. Então que tal juntar uns dentes de alho ao iogurte numa próxima receita?

Continua após a publicidade

+Leia Também: Iogurte proteico vira hit entre quem treina

“O trabalho também mostra que fritar o alho ajuda a reduzir a quantidade dos compostos responsáveis pelo cheiro”, comenta a médica Isolda Prado, da Associação Brasileira de Nutrologia (Abran).

A professora da Universidade do Estado do Amazonas sugere ainda caprichar na higiene bucal depois de comer pratos temperados e hidratar- -se para que a saliva fique mais fluida.

Bons motivos para incluir o alimento na rotina não faltam. “Tem ação antioxidante, anti-inflamatória e pode auxiliar, ao lado de medicações, no combate à gastrite”, diz a nutróloga.

Continua após a publicidade
Compartilhe essa matéria via:
alimentacao-alho-mal-halito-quadro
Veja como driblar o odor do alho! (Quadro: Editoria de arte/Veja Saúde/SAÚDE é Vital)
Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

A saúde está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA SAÚDE.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja Saúde impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.