Clique e assine VEJA SAÚDE por R$ 6,90/mês

Este cobertor pode reduzir a ansiedade e melhorar seu sono

Ele seria capaz de fazer o organismo aumentar o nível de hormônios que enfrentam a insônia e diminuir o dos que provocam estresse. Conheça seu segredo!

Por Daniela Barbosa (Exame.com) - Atualizado em 4 Jul 2018, 12h39 - Publicado em 9 May 2017, 11h29

Um cobertor que reduz a ansiedade, diminui o estresse e de quebra melhora a qualidade do sono pode parecer algo vindo da ficção científica. Mas ele já existe e promete ajudar quem tem dificuldades de relaxar na hora de dormir.

Batizado de Gravity, o cobertor foi desenvolvido pelo designer americano John Fiorentino. De acordo com o próprio fundador, possui ação terapêutica e precisa pesar em média 10% do peso corporal do seu usuário, pois seu peso promove uma leve pressão em partes estratégicas do corpo. A ideia é que a pessoa se sinta abraçada pelo cobertor.

O peso do cobertor em contato com o corpo, ainda segundo Fiorentino, incita o organismo a aumentar os níveis de serotonina e melatonina e diminuir os níveis de cortisol, fazendo com que a pessoa consiga relaxar e consequentemente pegar no sono. A peça possui três tamanhos diferentes: para pessoas que pesam entre 45 e 69 quilos, 70 a 90 quilos e acima de 90 quilos.

Ainda um projeto, o Gravity está buscando apoiadores no KickStarter e é possível adquirir o seu com investimentos que partem de 169 dólares, sem incluir o frete de entrega. Ainda com alguns dias para que a campanha seja encerrada, o cobertor já tem cerca de 10 mil incentivadores e arrecadou mais de 1,8 milhão de dólares.

Continua após a publicidade

No site de divulgação, há citações a pesquisas científicas que foram usadas para produzir o Gravity. No entanto, elas ainda são escassas – e nenhuma foi feita especificamente com esse produto. Dito de outra forma, estamos longe de dizer que esse cobertor é capaz de atenuar a insônia, principalmente de pessoas com versões mais graves da condição.

Publicidade