Assine VEJA SAÚDE por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Alimentos ricos em fibras combatem a gota

Mamão, feijão e companhia ajudam a proteger as juntas da condição que provoca dores e inchaço

Por Thaís Manarini
Atualizado em 6 nov 2017, 19h21 - Publicado em 8 abr 2017, 10h09

Não é segredo que a dieta tem relação com a gota. Um cardápio cheio de proteínas leva à formação de ácido úrico, o elemento que, em excesso, vai parar nas articulações,  causando as dolorosas crises.

Na contramão, cientistas da Universidade Federal de Minas Gerais provaram, em animais, que as fibras provenientes dos alimentos teriam efeito protetor. “Quando essas substâncias são metabolizadas no intestino, geram os chamados ácidos graxos de cadeia curta”, explica o médico Mauro Teixeira, um dos autores do estudo.

 

Na experiência, essas moléculas diminuíram a formação de cristais de ácido úrico nas cobaias e, além disso, tornaram o ambiente menos inflamatório. O ideal seria caprichar sempre nos itens fibrosos, como frutas, leguminosas e cereais – e não só durante os ataques.

Quer receber uma dose semanal de SAÚDE no seu e-mail? Então assine nossa newsletter — é grátis e fácil. Basta clicar aqui.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

A saúde está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA SAÚDE.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja Saúde impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.