Clique e assine VEJA SAÚDE por R$ 6,90/mês

Gravidez não planejada: o ponto de partida de vários problemas de saúde

As gestações indesejadas afetam o bem-estar de formas que você nem imagina. Discutiremos isso e como contra-atacar o problema no podcast Detetives da SAÚDE

Por Da Redação - Atualizado em 14 Maio 2020, 10h07 - Publicado em 12 dez 2019, 07h20

O Brasil está longe de ser um exemplo no combate à gravidez não planejada. Por aqui, um a cada cinco bebês nasce de uma jovem entre 10 e 19 anos, que dificilmente estará preparada para isso. No podcast Detetives da SAÚDE, vamos abordar o impacto de uma gestação indesejada na saúde. Não, ele não é pequeno.

Uma das nossas convidadas para o episódio é a ginecologista Carolina Sales, responsável pelo Serviço de Anticoncepção da Faculdade Medicina de Universidade de São Paulo, em Ribeirão Preto. Ao longo da conversa, ela mostra como a gravidez não planejada está intimamente associada ao uso de drogas, parto prematuro, depressão pós-parto e até violência contra a mulher. “Temos que falar mais sobre o assunto e sobre sexualidade com os jovens. Já há provas de que, ao fazer isso, retardamos a primeira gestação”, afirma.

Quem também participa do bate-papo é Albertina Duarte, ginecologista, obstetra e coordenadora do Ambulatório de Ginecologia da Adolescência do Hospital das Clínicas, em São Paulo. A especialista revela um dado impressionante: 10% do nosso PIB (Produto Interno Bruto) está comprometido com consequências da gravidez na adolescência. As meninas saem da escola, perdem espaço no mercado de trabalho… e tudo isso tem um efeito na saúde e na própria economia do país.

Como enfrentar esse cenário desafiador? As duas especialistas, ao lado dos jornalistas André Biernath e Thaís Manarini, trazem possíveis soluções. Elas passam pela educação, mas também por um maior conhecimento sobre os métodos anticoncepcionais e os verdadeiros benefícios e efeitos colaterais de cada um. Você sabia, por exemplo, que o de uma pílula anticoncepcional causar trombose é 15 vezes menor do que o de uma gravidez?

Continua após a publicidade

Você pode escutar esse programa em diversas plataformas. Dá para clicar ali em cima e ouvir no nosso site mesmo. Também estamos no Spotify, no Deezer, no Google Podcasts, no Pocket Casts, no Youtube… Não sabe como ouvir nesses ambientes? Clique aqui.

Se preferir, dá para acompanhar pelo Spotify diretamente aqui:

 

Ou pelo Youtube:

Continua após a publicidade

 

Publicidade