Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Como funciona um marca-passo cardíaco e o que pode mexer com ele?

Décadas de uso e novas tecnologias aperfeiçoaram o dispositivo que controla os batimentos do peito

Por Chloé Pinheiro 29 abr 2022, 12h32

Conheça em detalhes o funcionamento deste dispositivo capaz de salvar vidas ao evitar a bradicardia e regular o ritmo do coração.

1. O que é o marca-passo?

Usado desde os anos 1950, trata-se de um aparelho composto de um sistema eletrônico, uma bateria e fios com eletrodos que se ligam ao coração para estimular seu batimento.

Hoje estão dentro de uma classe maior, a dos dispositivos cardíacos eletrônicos implantáveis, que realizam outras funções, como reanimar o coração se ele parar subitamente ou desacelerar o ritmo no caso de bater rápido demais.

2. Onde ele fica?

O marca-passo é implantado no corpo no tecido subcutâneo (logo abaixo da pele), na região da clavícula. Os fios do eletrodo são inseridos por um vaso sanguíneo e conduzidos até as paredes do músculo cardíaco, em regiões que variam conforme o objetivo do dispositivo.

O procedimento exige apenas anestesia local com sedação, e o indivíduo tem alta geralmente em um dia.

funcionamento do marca-passo
Ilustrações: Rodrigo Damati/SAÚDE é Vital

3. Como funciona?

Os eletrodos são conduzidos até a região desejada do coração. Podem ser de um a três, nos ventrículos ou nos átrios. Eles funcionam tanto como sensor, detectando ritmos anormais no coração, quanto como estimuladores.

Para isso, enviam e transmitem informações geradas no dispositivo principal. São ajustados para uma frequência máxima, que varia individualmente, levando em conta fatores como idade e condição de saúde.

Compartilhe essa matéria via:

4. Quanto tempo dura?

A bateria do marca-passo é feita de lítio, mesmo material do celular. Mas com duração muito maior: ultrapassa os dez anos.

bateria do marca-passo
Ilustrações: Rodrigo Damati/SAÚDE é Vital
Continua após a publicidade

Para garantir o funcionamento adequado, é preciso realizar consultas periódicas, em média duas vezes ao ano. Alguns já permitem o monitoramento à distância. Sinais de alerta de mau funcionamento incluem tontura, desmaio e taquicardia.

+ Leia também: Dispositivos para arritmia cardíaca podem ser monitorados via smartphone

Milhares de usuários no Brasil…

… mas a maioria não faz o acompanhamento adequado com o médico.

usuários de marca-passo no brasil
Ilustrações: Rodrigo Damati/SAÚDE é Vital

Quem deve usar um marca-passo?

Ou algum outro dispositivo cardíaco implantável, nome técnico da categoria, que inclui ainda desfibriladores, dispositivos de ressincronização cardíaca e outros.

doenças marca-passo
Ilustrações: Rodrigo Damati/SAÚDE é Vital

O que pode interferir no funcionamento do marca-passo?

celular atrapalha o marca-passo?
Ilustrações: Rodrigo Damati/SAÚDE é Vital

Menor marca-passo do mundo no Brasil

O aparelho é do tamanho de uma cápsula de vitamina e dispensa fios. Conheça mais sobre ele aqui.

micra marca-passo sem fios
Ilustrações: Rodrigo Damati/SAÚDE é Vital

Fonte: Carlos Eduardo Duarte, cardiologista especializado em estimulação cardíaca da BP – A Beneficência Portuguesa de São Paulo

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação confiável salva vidas. Assine Veja Saúde e continue lendo.

Impressa + Digital

Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao site da Veja Saúde, diariamente atualizado.

Blogs de médicos e especialistas.

Receba mensalmente Veja Saúde impressa mais acesso imediato às edições digitais no App, para celular e tablet.

a partir de R$ 12,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e no app.

Blogs de médicos e especialistas.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)