saudeLOGO Created with Sketch.

Marcio Atalla deixa uma cidade inteira mais saudável. Saiba como

Projeto Vida de Saúde, criado por esse especialista, traz benefícios para boa parte da população de Jaguariúna. Conheça os segredos e os próximos passos

O famoso profissional de educação física Márcio Atalla iniciou no ano passado um projeto — batizado de Vida de Saúde — que mudaria Jaguariúna, no interior de São Paulo. Por meio de uma série de ações, ele e sua equipe conseguiram, em nove meses, reduzir o índice de sedentarismo e melhorar a qualidade de alimentação dos moradores, o que não aconteceu no resto do país.

De abril a dezembro de 2016, foram organizadas oficinas de nutrição e atividade física na cidade. Caminhadas, pedaladas e outros eventos que estimulavam uma vida ativa também tiveram bastante espaço no município.

“Mas um dos maiores diferenciais foi o nosso processo de capacitação dos profissionais de saúde”, afirma Atalla. “Treinamos vários deles para incentivar seus pacientes a incorporar um estilo de vida mais equilibrado”, completa.

O time formado por Atalla ainda visitou escolas, centros de idosos, empresas e outras instituições para dar dicas de como tornar o dia a dia mais ativo — e sugerir mudanças no ambiente que poderiam contribuir para isso e para uma melhor alimentação das pessoas. “Ainda fizemos todo um trabalho de divulgação para dar conhecimento à população de Jaguariúna”, arremata.

 

O resultado de tanto suor

Em conjunto com pesquisadores da Universidade de São Paulo, Márcio Atalla avaliou se a iniciativa trouxe benefícios. E os dados, recentemente divulgados, chamam a atenção.

Por meio de entrevistas por telefone com mais de mil jaguariunenses, a equipe calculou que 39,4% da população local mudou seus hábitos para melhor em decorrência das ações do Vida de Saúde. Para ter ideia, uma intervenção dessa magnitude já é considerada efetiva quando atinge positivamente 5% de uma população.

O consumo de frutas e hortaliças subiu, em média, 12%. No resto do Brasil, ele caiu ligeiramente com relação à 2015, segundo o estudo Vigitel (Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Telefone). Aliás, vale notar que essas comparações são relativamente confiáveis justamente porque o estudo relativo à Jaguariúna simulou os mesmos métodos do tal Vigitel.

A prática de atividade física no lazer aumentou 19% em Jaguariúna. E até as crianças se beneficiaram: o índice de massa corporal das mais cheinhas caiu até 14%, em média.

O futuro de Jaguariúna

São dois desafios que surgem naturalmente quando um projeto como esse oferece dados positivos. O primeiro é sua continuidade. Atual prefeito de Jaguariúna, Gustavo Reis garantiu a sequência do Vida de Saúde e ainda prometeu mais ações, principalmente nas escolas. “O jaguariunense tem orgulho dessa iniciativa e de seus resultados”, afirma.

A outra dificuldade é manter a adesão e a motivação dos habitantes de forma geral. Será que, no longo prazo, essa iniciativa — continue ela ou não — vai assegurar que os moradores sigam rumo uma vida cada vez mais equilibrada?

Essa é uma pergunta difícil de ser respondida. Infelizmente, levantamentos mostram que, com o tempo, boa parte das pessoas tende a voltar para hábitos antigos. E olha que vários desses trabalhos foram feitos com vítimas de doenças crônicas, como diabete e hipertensão. Ou seja, estamos falando de gente que se beneficiaria demais ao equilibrar o cardápio e se exercitar camisa com frequência.

Por outro lado, Atalla defende que seu projeto promoveu uma mudança de raciocínio que, aí sim, traria resultados prolongados. Ao treinar agentes de saúde e professores para conversar sobre um estilo de vida balanceado, por exemplo, milhares de jaguariunenses são impactados ano após ano. É esperar — e torcer! — pra ver.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s