saudeLOGO Created with Sketch.

Dermatite atópica: impactos que não ficam à flor da pele – podcast

Essa doença causa sintomas na vida social, na mente e até no bolso. Uma médica e uma paciente ajudam a entender o quadro e a como contornar esses impactos

A dermatite atópica é uma alergia. Mas ela não causa apenas coceira, manchas vermelhas e descamação. Neste episódio do podcast Detetives da SAÚDE (que você pode ouvir logo abaixo), vamos abordar essa doença para mostrar como problemas de pele repercutem socialmente e no bem-estar mental – e como contornar isso.

Camila Ferreira Batista, que participou da conversa, foi diagnosticada com dermatite atópica desde a infância (25% das crianças manifestam o quadro, que persiste em 7% dos adultos). Dona do canal de Youtube Você Não É Só Pele e hoje com 28 anos, ela conta como foi conviver com essa enfermidade na adolescência e nos primeiros anos no mercado de trabalho. Camila destaca inclusive a dificuldade de arcar com os custos de hidratantes para dermatite atópica, remédios e tudo mais. De quebra, revela frases e perguntas que incomodam de verdade a vítima de uma alergia dessas.

A alergista Djanira Andrade, da Universidade Federal de São Paulo, também traz sua experiência com os pacientes que têm dermatite atópica. Ela aborda os sintomas que definem a doença, assim como os tratamentos que a controlam. Cuidando bem do quadro, até a cabeça sai ganhando. Infelizmente, 12% dos pacientes com dermatite atópica relataram que já perderam a vontade de viver, segundo um trabalho do Instituto Ipsos.

Você pode ouvir esse programa em diversas plataformas. Estamos no Spotify, no Deezer, no Google Podcasts, no Pocket Casts, no Youtube… Não sabe como ouvir nesses ambiente? Clique aqui.

Escute pelo Spotify:

 

No Youtube:

 

Ou ouça pelo player do nosso site mesmo: