saudeLOGO Created with Sketch.

Doença de Lyme: 5 dúvidas mais comuns sobre o quadro de Justin Bieber

O cantor e ídolo teen Justin Bieber anunciou que foi diagnosticado com doença de Lyme, infecção marcada por fadiga, febre e dores espalhadas pelo corpo

O cantor canadense Justin Bieber fez uma publicação em seu Instagram para contar que recebeu o diagnóstico de doença de Lyme. “Os últimos anos foram difíceis, mas ter o tratamento certo me ajudará a lidar com esse problema incurável. Voltarei, e melhor do que nunca”, escreveu.

Após o anúncio, o interesse em saber mais sobre essa condição disparou em todo o mundo: um levantamento exclusivo do Google Brasil mostrou que as buscas pelo termo “doença de Lyme” subiram 5 000% nos últimos dias. A empresa de tecnologia nos revelou também quais são as cinco principais dúvidas do público brasileiro sobre o tema, que respondemos abaixo com a ajuda do infectologista Edimilson Migowski, da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

1. O que é a doença de Lyme?

Comum nos Estados Unidos e no Canadá, a doença de Lyme é provocada por um tipo de bactéria transmitida por carrapatos. A principal forma de prevenção recomendada pelos especialistas é evitar o contato com esse animal — por exemplo, não ficar deitado na grama ou andar com a pele muito exposta em pastos.

Geralmente, o carrapato permanece grudado na pele para sugar o sangue por mais de um dia. Quanto mais tempo ele fica ali, maior o risco de inocular no corpo da pessoa o micro-organismo causador da doença de Lyme.

2. Quais são os sintomas da doença de Lyme?

Os sinais variam muito. Na fase inicial, pode-se observar na pele manchas vermelhas com o centro mais claro, como se fosse um alvo. Essas manchas às vezes migram para diferentes regiões. Nesse mesmo período, aparecem sintomas típicos de infecções, como dor no corpo, mal-estar, febre e irritabilidade.

Não tratada, a doença de Lyme chega a desencadear uma paralisia. Também pode ocorrer o acometimento das articulações, com dor e inchaço.

3. A doença de Lyme tem cura?

Sim, ela possui tratamento e cura, ao contrário do que disse Justin Bieber. Os antibióticos são utilizados para acabar com a infecção. Porém, mesmo com o uso desses remédios, algumas pessoas podem desenvolver uma dor crônica nas articulações.

O que acontece é uma reação autoimune: o sistema de defesa do organismo reage de maneira exagerada e passa a atacar o próprio corpo. Esse acometimento das juntas ocorre em até 20% dos casos.

4. O que causa a doença de Lyme?

Como dito acima, ela é provocada por uma bactéria, a chamada Borrelia burgdorferi, que é inoculada na pessoa por carrapatos contaminados. O nome da enfermidade faz referência a uma pequena cidade em Connecticut, nos Estados Unidos, em que os primeiros casos foram notificados e estudados a partir dos anos 1970.

5. O que é a mononucleose, outro problema que Justin Bieber teve?

A mononucleose infecciosa é causada pelo vírus Epstein-barr. É a popular doença do beijo, transmitida por meio de saliva e comum em adolescentes e adultos jovens.

Seus sintomas incluem febre, dor no corpo, mal-estar, dor de garganta, além de aumento dos gânglios, do fígado e do baço. Não existe um tratamento específico para essa moléstia, mas os médicos costumam indicar analgésicos e antitérmicos para combater suas repercussões.

Com o tempo, o próprio corpo consegue lidar com o vírus e eliminá-lo naturalmente. Há também um quadro batizado de síndrome de mononucleose, com manifestações muito similares. Ele é provocado por uma série de agentes infecciosos, como citomegalovírus, a rubéola e a toxoplasmose.

Não dá pra saber ao certo o que aconteceu especificamente com o cantor Justin Bieber. Por terem sintomas parecidos, muitas vezes a mononucleose e doença de Lyme são confundidas. Elas também podem aparecer juntas, uma vez que o sistema imune fica enfraquecido e suscetível a novos ataques após uma primeira infecção.