Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Coma bem para ter um melhor desempenho na escola

Uma alimentação saudável aprimora até a habilidade de ler e escrever entre os jovens, um indicativo de bom desenvolvimento cognitivo

Por Thiago Nepomuceno Atualizado em 6 nov 2017, 16h46 - Publicado em 8 jan 2017, 08h50

Quando você bota uma fruta na lancheira do seu filho ou pede que ele não despreze a verdura do prato, não é só a saúde do rebento que sai ganhando — a performance na sala de aula também tende a decolar. É o que sugere um estudo finlandês com 161 crianças de 6 a 8 anos.

Os pequenos que seguiam um padrão de alimentação saudável e ingeriam menos refrigerantes e salgadinhos apresentaram desempenho superior em testes que mediam habilidades de leitura — os resultados foram os mesmos independentemente da condição social.

  • “Uma dieta equilibrada otimiza funções como atenção e memória”, afirma Eero Haapala, autor da experiência. “Isso se deve ao efeito positivo de nutrientes como as vitaminas dos vegetais e as gorduras dos peixes no cérebro”, justifica.

    Alimentos nota dez

    Frutas (sobretudo as vermelhas)
    • Hortaliças em geral
    • Grãos integrais
    • Peixes

  • Continua após a publicidade
    Publicidade