Assine VEJA SAÚDE por R$2,00/semana
Imagem Blog

Boa Pergunta

Por Blog
Dúvidas sobre saúde enviadas pelos leitores e leitoras são respondidas com o apoio de profissionais da área.
Continua após publicidade

Chá de canela de velho faz bem? E quais os efeitos colaterais?

Difundida como uma aliada contra a artrose e outros problemas nas juntas, essa planta medicinal também requer moderação

Por Vand Vieira
16 out 2017, 16h11

A miconia albicans, conhecida popularmente como canela de velho, é uma das plantas mais associadas a tratamentos naturais contra dores nas articulações. Seu segredo está no combo de fitoquímicos anti-inflamatórios que suas folhas ofertam. Mas o leitor Fabrício Macedo quer ir a fundo nessa história: investir no chá em questão pode desregular os batimentos cardíacos?

De acordo com a nutricionista Vanderli Marchiori, presidente da Associação Paulista de Fitoterapia, mesmo que algumas das substâncias da canela de velho sejam estimulantes, não representam perigo ao coração. “Só que o limite de consumo diário deve ser respeitado”, alerta a especialista. Atenção às medidas e ao modo de preparo: uma colher (sopa) da planta seca para um litro de água. Deixe ferver por até cinco minutos e aproveite.

Ultrapassar essa quantidade com frequência afetaria principalmente o sistema digestório. Em excesso, os benditos fitoquímicos também podem gerar lesões nas células do fígado, prejudicando seu funcionamento.

Continua após a publicidade

E um anexo: “O extrato de sucupira tende a ser mais prático e eficaz em casos de doenças reumáticas. Dez gotas por dia é o suficiente para aliviar o incômodo”, pondera Vanderli.

Seja qual for a escolha, é necessário ter o aval de um profissional, adquirir o produto em um local de confiança e, principalmente, nunca abandonar o tratamento convencional.

Clique aqui para entrar em nosso canal no WhatsApp
Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja Saúde impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.