Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Entidade divulga orientações para o bebê ter um sono seguro

As novas diretrizes foram lançadas pela Academia Americana de Pediatria e têm o intuito de prevenir acidentes

Por Thiago Nepomuceno Atualizado em 2 set 2019, 10h30 - Publicado em 31 out 2016, 18h29

Você já ouviu falar na síndrome da morte súbita entre bebês? Pois ela é definida como o falecimento inesperado da criança, aparentemente saudável, com um ano ou menos de idade. Essa situação costuma acontecer quando elas estão dormindo. Para ter ideia, só nos Estados Unidos ocorrem 3 500 casos de morte de bebês por questões relacionadas ao sono, como sufocamento acidental. Pensando em proteger os pequenos e diminuir essas taxas, a Academia Americana de Pediatria lançou novas recomendações.

“Nós sabemos que os pais podem se sentir sobrecarregados com a chegada de um novo bebê em casa. E queremos dar a eles informações claras e simples sobre como e onde colocar a criança para dormir”, disse Rachel Moon, a principal autora do relatório que deu suporte para o documento. “Sabemos que é possível manter o bebê seguro sem gastar um monte de dinheiro com dispositivos de monitoramento. Basta investir em medidas simples”, acrescentou.

A seguir, veja algumas das orientações:

– Coloque o bebê de costas no berço, em uma superfície firme.
– Nunca deixe-o dormir em sofás, cadeiras ou travesseiros sem a supervisão de um adulto.
– Evite itens macios no berço, incluindo cobertores, travesseiros, pelúcias e protetores.
– Grades de proteção também devem ser abolidas.
– Não exponha a criança, mesmo que indiretamente, a fumo, álcool ou outras drogas. Isso pode aumentar o risco de morte súbita.
– Mantenha a vacinação em dia.
– Não coloque o filho para dormir na sua cama. Por outro lado, deixar o berço no mesmo quarto dos pais diminui a probabilidade de algum problema no sono em até 50%.

O momento da amamentação também exige cuidados. Segundo a entidade, assim que o bebê terminar de mamar o correto é transferi-lo para seu berço, que preferencialmente deve estar no quarto dos pais. E se houver alguma possibilidade de a mãe dormir na hora do aleitamento, o procedimento precisa ser feito na cama, sem lençóis, travesseiros ou qualquer outra coisa que possa obstruir a respiração da criança. Caso a mulher pegue no sono, o ideal é colocar o bebê em seu berço no instante em que acordar.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação confiável salva vidas. Assine Veja Saúde e continue lendo.

Impressa + Digital

Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao site da Veja Saúde, diariamente atualizado.

Blogs de médicos e especialistas.

Receba mensalmente Veja Saúde impressa mais acesso imediato às edições digitais no App, para celular e tablet.

a partir de R$ 12,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e no app.

Blogs de médicos e especialistas.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)