Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Skyr, o iogurte da Islândia

Chega ao mercado brasileiro um produto que promete brigar por espaço entre os lácteos saudáveis

Por Vand Vieira Atualizado em 14 fev 2020, 18h26 - Publicado em 8 jul 2017, 10h03

Diego Salvanha, cientista da computação, sempre se interessou por alimentos fermentados. Mas foi durante uma viagem ao exterior que ele conheceu produtores de iogurte artesanal e decidiu investir no skyr, um dos laticínios mais populares dos países do norte da Europa, em especial da Islândia. “O retorno foi tão positivo que montei uma empresa e, agora, disponibilizamos nossos produtos para mercados e empórios de São Paulo”, conta Salvanha, sócio-proprietário da Moo.

  • Na receita, há somente leite de vaca semidesnatado pasteurizado, fermentos lácteos e probióticos. “Essa combinação favorece o sistema imune, os ossos e os músculos, além de dar saciedade”, afirma a nutricionista Caroline Martinelli, da consultoria Equilibrium, na capital paulista. Assim como os iogurtes gregos de verdade, o skyr chama a atenção pelo alto teor de proteínas e pela textura mais encorpada.

    Outra vantagem: não tem adição de açúcar. A versão natural, bastante versátil, pode entrar em receitas doces e salgadas. Para quem não curte o sabor levemente azedo, a marca oferece opções com mel, geleia natural de morango ou laranja com gengibre.

    Mil e poucos anos de história

    Acredita-se que o skyr já era famoso na Escandinávia quando a Islândia foi colonizada. Os vikings, habitantes da região, utilizavam o soro do iogurte para conservar carnes e vegetais, dando origem a um alimento superproteico que oferecia mais disposição para encarar os dias frios.

    Duelo de titãs

    De um lado, 130 gramas de skyr; de outro, a mesma quantidade do iogurte grego que segue à risca a fórmula original e está disponível no Brasil. Para fechar a disputa, a versão do grego mais comercial que se popularizou por aqui:

    Skyr

    Energia – 122 calorias

    Proteínas – 15 g

    Carboidratos – 4 g

    Gorduras totais – 6 g

    Cálcio – 159 mg

    Continua após a publicidade

    Grego original

    Energia – 80 calorias

    Proteínas – 14 g

    Carboidratos – 6 g

    Gorduras totais – 0 g

    Cálcio – 130 mg

    Grego comercial

    Energia – 185 calorias

    Proteínas – 7,9 g

    Carboidratos – 20,8 g

    Gorduras totais – 8,1 g

    Cálcio – 249 mg

    Continua após a publicidade
    Publicidade