saudeLOGO Created with Sketch.

Melancia ou jaca: quem leva a melhor?

Está aí um autêntico duelo de gigantes. É que essas frutas impressionam tanto pelo tamanho como pelo conteúdo nutricional

“O maior destaque da jaca é o potássio, que auxilia no controle do sódio e regula a pressão arterial”, elogia a nutricionista Thamyris Ferreira Lima, da rede Hortifruti. Nesse aspecto, a melancia perde de lavada. Mas tem revanche: a vermelhinha possui L-citrulina, substância que contribui para a formação de óxido nítrico. Trata-se de um gás responsável por relaxar as artérias e, assim, baixar a pressão. Agora, a melancia dá uma nova derrapada quando o assunto é o teor de fibras – aí a jaca leva a melhor mesmo. “As fibras fazem com que a glicose seja disponibilizada lentamente para o organismo. Com isso, a insulina é liberada de forma adequada”, ensina Thamyris. Eis uma vantagem e tanto contra o diabete. Em comparação à melancia, a jaca ainda tem mais vitamina C. Só é uma pena que sua viscosidade afaste tanta gente.

Leia também: Tremoço ou amendoim? Eis a questão!

Energia

Melancia – 33 cal

Jaca – 88 cal

Proteínas

Jaca – 1,4 g

Melancia – 0,9 g

Carboidratos

Melancia – 8,1 g

Jaca – 22,5 g

Fibras

Jaca – 2,4 g

Melancia – 0,1 g

Potássio

Jaca – 234 mg

Melancia – 104 mg

Vitamina C

Jaca – 14,8 mg

Melancia – 6,1 mg

(Os valores se referem a 100 gramas do alimento)

Placar Saúde

Jaca 4 x Melancia 2

Fonte: tabela brasileira de composição de alimentos (TACO/UNICAMP)