Clique e assine VEJA SAÚDE por R$ 6,90/mês

A influência da dieta na cicatrização da pele

Em entrevista, médica resume o papel dos nutrientes na reparação desse tecido

Por Diogo Sponchiato - Atualizado em 3 nov 2017, 10h39 - Publicado em 17 abr 2017, 12h30

Se o que a gente come tem o potencial de mexer com todas as regiões e sistemas do organismo, não deve causar espanto o fato de que até a pele sente o efeito de um cardápio equilibrado ou repleto de excessos e lacunas nutricionais. Pois, quando o tecido que reveste o corpo sofre um revés e carece de uma mãozinha, substâncias fornecidas pelos alimentos podem oferecer ajuda. Sabia que até o processo de cicatrização e recuperação de feridas sai ganhando com ajustes na dieta?

É sobre isso que fala a cirurgiã e especialista em nutrição Isabel Correia nesta entrevista ao site da SAÚDE. A médica, que é professora da Universidade Federal de Minas Gerais, é uma das convidadas do próximo congresso do Ganepão, um dos mais respeitados no campo das ciências da alimentação. O evento acontece entre os dias 13 e 17 de junho no Centro de Convenções Rebouças, em São Paulo.

 

Publicidade