Clique e assine VEJA SAÚDE por R$ 6,90/mês

Quando a pandemia apressa a ciência

A necessidade de respostas rápidas para o coronavírus afeta a qualidade de remédios, vacinas e outras medidas preventivas? Tema para o Detetives da SAÚDE

Por Da Redação - Atualizado em 2 jul 2020, 16h11 - Publicado em 2 jul 2020, 07h33

Os estragos causados pelo coronavírus em si, a pressão popular, a política e o aumento de recursos destinados para o combate da crise aceleram o ponteiro do relógio da ciência. Para o bem, e para o mal. As repercussões de pesquisas feitas às pressas são o tema deste episódio do podcast Detetives da SAÚDE. E sim, vamos falar de cloroquina, vacinas (e até uso de máscaras).

Uma de nossas convidadas é a microbiologista Natalia Pasternak, presidente do Instituto Questão de Ciência. Ao longo da conversa, ela conta o que é o método científico e o que não pode ser abreviado, nem durante uma crise sanitária dessas proporções. “Uma ciência rápida demais não gera as respostas que precisamos”, sentencia. Apesar de a população achar que as pesquisas estão demorando, ela ressalta como os cientistas vem alcançando resultados em velocidade recorde.

Já o médico e advogado sanitarista Daniel Dourado, da Universidade de São Paulo, mostra como aspectos políticos têm influenciado questões científicas. “Algumas conclusões tiradas em cima de certos estudos ou de declarações são precipitadas e visam atender uma agenda que não necessariamente reflete o que seria melhor para a população”, conta.

Você pode escutar o programa em diversas plataformas. Dá para clicar ali em cima e ouvir no nosso site mesmo. Também estamos no Spotify, no Deezer, no Google Podcasts, no Pocket Casts, no Youtube… Não sabe como ouvir nesses ambientes? Clique aqui.

Continua após a publicidade

Se preferir, escute pelo Spotify diretamente aqui:

 

Continua após a publicidade

Ou pelo Youtube:

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade
Publicidade