Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Verdade ou mito: roncar demais prejudica a audição

Será que a apneia do sono afeta de alguma maneira as estruturas do ouvido? Dê o seu palpite!

Por André Biernath Atualizado em 20 dez 2016, 19h09 - Publicado em 11 Maio 2016, 13h59

É verdade! O Centro Médico Albany, nos Estados Unidos, tabulou dados de quase 14 mil cidadãos hispânicos. Aqueles que apresentavam apneia tinham um risco 31% maior de perda auditiva de alta frequência e 90% de surdez de baixa frequência — a diferença das duas está no comprimento das ondas sonoras que não são escutadas. Os pesquisadores já arriscam algumas hipóteses para justificar o achado. O abalo auditivo pode ser fruto de danos nos vasinhos que irrigam a cóclea, responsável pela recepção dos sonos, ou de traumas causados (pasme!) pelos roncos altos. 

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação confiável salva vidas. Assine Veja Saúde e continue lendo.

Impressa + Digital

Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao site da Veja Saúde, diariamente atualizado.

Blogs de médicos e especialistas.

Receba mensalmente Veja Saúde impressa mais acesso imediato às edições digitais no App, para celular e tablet.

a partir de R$ 14,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

Acesso ilimitado ao site da Veja Saúde, diariamente atualizado.

Blogs de médicos e especialistas.

Acesso imediato ao app da Veja Saúde, com as edições digitais, para celular e tablet.

a partir de R$ 9,90/mês