saudeLOGO Created with Sketch.

Portadores do vírus HIV estão mais propensos ao diabete

Cientistas americanos afirmam que soropositivos devem ficar de olho na taxa de açúcar no sangue

Um levantamento publicado recentemente no periódico científico BMJ Open Diabetes Research & Care traz uma notícia nada doce para os portadores do vírus HIV: eles teriam um risco mais elevado de desenvolver diabete.

Para chegar a essa conclusão, um time de especialistas dos Estados Unidos comparou os dados de 8 610 soropositivos aos de 5 604 pessoas sem HIV. E, mesmo considerando diversos outros fatores, como idade, sexo, etnia e peso, a prevalência do diabete no primeiro grupo foi quase 4% maior.

Leia mais: A aids ainda mata — principalmente se o diagnóstico for tardio

Como se trata de um estudo de observação, ainda é cedo para cravar que a relação é de causa e consequência. No entanto, outras pesquisas acerca do assunto associam a presença do vírus HIV ao descontrole da glicemia. Além disso, graças à eficiência do coquetel, só agora os efeitos da aids estão sendo observados no longo prazo.

Veja também

“Trabalhos complementares precisam ser feitos para definir se as diretrizes relacionadas ao diabete devem incluir a infecção pelo vírus HIV como um fator de risco. Assim, estratégias específicas para o controle desses casos começarão a ser traçadas”, comentaram os autores do estudo.