saudeLOGO Created with Sketch.

O peso das doenças cardíacas no Brasil

Especialista fala sobre o impacto dos problemas cardiovasculares em esfera nacional e o que fazermos para reverter esse quadro

A pedido do laboratório Novartis, a empresa de pesquisa Deloitte fez um retrato inédito do impacto social e financeiro dos problemas que atingem o coração. Os dados assustam: no Brasil, só em 2015, foram registrados 334 mil infartos, 44 milhões de diagnósticos de hipertensão e 4 milhões de novos casos de fibrilação atrial ou insuficiência cardíaca, gerando uma conta de quase 57 milhões de reais.

Falamos com a coordenadora do estudo, Lynne Pezzullo, economista e diretora da Deloitte na Austrália: