Assine VEJA SAÚDE por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Lançada websérie sobre a vida com HIV e o que a cura significaria

Ícones da comunidade LGBT contam como é conviver com o vírus da aids e o que o fim da epidemia representaria a eles e milhões de outras vítimas

Por Theo Ruprecht
Atualizado em 14 fev 2020, 18h26 - Publicado em 11 jul 2017, 18h01

“Nós queremos revitalizar a comunidade LGBT, especialmente a geração mais nova, e engajá-la na busca pela cura da infecção pelo HIV”, afirma Kevin Frost, presidente da amfAR, a Fundação para Pesquisa da Aids, em um comunicado à imprensa. Esse é o principal motivo da produção da websérie “Vozes Épicas”, recentemente lançada no mundo inteiro.

Em cinco vídeos protagonizados por soropositivos de diferentes contextos, a iniciativa da amfAR ressalta a importância da conscientização a respeito dessa doença e do que a cerca. “Mostramos a percepção do HIV de maneiras particulares e distintas. Esperamos inspirar ações, dissipar o estigma e, quem sabe, até mudar a forma como a questão é vista e discutida atualmente”, argumenta Frost.

Ao longo dos episódios, a palavra cura ganha contornos e significados únicos. Ela é desde uma solução de saúde pública até uma forma de superar preconceitos e tabus, como destaca Mykki Blanco, drag queen que assumiu carregar o vírus em 2011 e faz parte da websérie.

Ken Williams, ativista na luta contra a aids e criador do blog “Ken Like Barbie” — outro entrevistado do projeto —, passa uma mensagem importante nesse sentido. “Ter o HIV não significa que eu seja um devasso, nem que eu seja descartável. O Cristo não me odeia porque tenho HIV. Não é o apocalipse gay”, diz. “O HIV não é gay. É global”, arremata.

No site da amfAR, você pode ver todos os episódios de “Vozes Épicas”. Abaixo, separamos os voltados a Ken Williams e Mykki Blanco, que já foram legendados em português. Confira:

Continua após a publicidade

 

 

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

A saúde está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA SAÚDE.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja Saúde impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.