Assine VEJA SAÚDE por R$2,00/semana
Imagem Blog

Com a Palavra Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO

Por Blog
Neste espaço exclusivo, especialistas, professores e ativistas dão sua visão sobre questões cruciais no universo da saúde
Continua após publicidade

O protetor solar certo para o seu tipo de pele

Dermatologista esclarece como o chamado fototipo influencia a escolha do filtro solar

Por Maria Eduarda Pires, dermatologista*
24 abr 2022, 10h33

A pele é o maior órgão do corpo e frequentemente o mais negligenciado quando o assunto é saúde, mesmo sendo nossa primeira linha de defesa contra os efeitos negativos de poluentes, radiação ultravioleta (UV) e outros fatores ambientais.

A pele também tem particularidades que variam de pessoa para pessoa. Sua cor está relacionada à pigmentação constitutiva (aquela herdada geneticamente) e a facultativa (resultado da exposição solar). Ela é um dos elementos que constituem o que chamamos de fototipo.

BUSCA DE MEDICAMENTOS Informações Legais

DISTRIBUÍDO POR

Consulte remédios com os melhores preços

Favor usar palavras com mais de dois caracteres
DISTRIBUÍDO POR

Trata-se de uma escala numérica que define como a pele reage quando se expõe ao sol e nos ajuda a definir a melhor forma de proteção contra os raios UV, evitando, assim, vermelhidão, queimadura, envelhecimento precoce e doenças como câncer.

Existem pelo menos seis fototipos. Os tipos I e II caracterizam por peles de tonalidades muito claras, que possuem alta sensibilidade e sofrem queimaduras solares rapidamente. Por isso, os produtos mais indicados são os protetores solares acima de 50 FPS.

Para aqueles de fototipo III, que possuem a pele clara e pouco morena, filtros solares com FPS acima de 30 funcionam, pois indivíduos com essa tonalidade bronzeiam mais facilmente e não são tão sensíveis ao sol. Ainda assim, podem sofrer queimaduras.

Continua após a publicidade

+ LEIA TAMBÉM: Novas evidências científicas para cuidar da pele

Os que possuem fototipos IV e V se caracterizam como aqueles de pele morena que apresentam um pouco mais de resistência à exposição aos raios UV e bronzeiam-se com facilidade. Fatores de proteção solar mais baixos podem ser usados nesses casos.

E, por fim, para aqueles de fototipo VI, que têm a pele negra e não se queimam com facilidade, indica-se o uso de proteção solar, mesmo o de fator mais baixo.

Principalmente para as pessoas com fototipos mais baixos, é recomendável buscar produtos com proteção contra os raios UVA, o principal responsável pelo envelhecimento e problemas dermatológicos.

Compartilhe essa matéria via:

Quanto menor for o fototipo, mais atenção com o sol a pele necessita. No entanto, o filtro solar segue indispensável para todos os tipos de pele. Deve estar presente em nossa rotina de cuidados diários, uma vez que os raios UVA incidem o ano inteiro e independentemente do clima.

Fora isso, oriento a não se expor de maneira prolongada e intensa ao sol, uma atitude perigosa para a saúde cutânea. Esse é um recado que vale para todos os fototipos.

* Maria Eduarda Pires é dermatologista e membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica (SBCD)

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

A saúde está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA SAÚDE.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja Saúde impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.