Assine VEJA SAÚDE por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Novo consenso define ingestão de DHA, um tipo de ômega-3

Esse tipo de gordura, encontrado em pescados e suplementos, é essencial à visão e à cognição desde a barriga da mãe

Por Ingrid Luisa
18 nov 2022, 14h15

O DHA, sigla de ácido docosahexaenoico, é uma gordura da família do ômega-3 que é crucial para o desenvolvimento do sistema nervoso central e dos olhos.

Por isso, seu consumo é estudado e indicado sobretudo a gestantes, lactantes e crianças pequenas. A Associação Brasileira de Nutrologia (Abran) acaba de renovar suas recomendações sobre a ingestão da substância via alimentos e suplementos.

“Passados quase dez anos do primeiro documento, que se tornou referência, revisamos a literatura para saber se as indicações se mantinham. Elas são basicamente as mesmas, mas é importante respaldá-las pelos novos estudos publicados”, afirma o médico Carlos Nogueira, diretor da Abran.

+ Leia também: Você sabe reconhecer um peixe por seus destaques nutricionais? 

As recomendações

O que a diretriz de 2022 da Abran prescreve

Continua após a publicidade
  • Consumo de peixe
    O ideal é comer 360 g por semana, o equivalente a três porções. Se for menos que isso, pode-se pensar em suplementação.
  • Fórmulas infantis
    Devem conter de 0,2 a 0,5% de DHA entre as gorduras totais ou, no mínimo, 20 mg de DHA por 100 kcal. Vale conferir o rótulo!
  • Durante a gestação
    Para garantir o consumo adequado e prevenir reveses na gravidez e no parto, as mulheres devem tomar 200 mg de DHA diariamente.
  • Meta para criança
    Em caso de deficiência de DHA na alimentação, é indicado suplementar de 100 a 150 mg/dia entre 2 e 4 anos e 150 a 200 entre 4 e 6 anos.
Compartilhe essa matéria via:

 

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

A saúde está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA SAÚDE.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja Saúde impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.