saudeLOGO Created with Sketch.

Chegou a panela de pressão elétrica que virou hit nos EUA. Nós testamos

A desejada Instant Pot desembarca no Brasil com muitas funções bacanas. Conheça-a em detalhes e confira outras opções de panelas de pressão elétricas

A panela de pressão elétrica Instant Pot (clique para comprar)* conquistou os norte-americanos em 2018. Por lá, ela inclusive bateu recorde de vendas no site da Amazon: em um dia, 300 mil unidades saíram dos estoques. Pois agora ela está disponível na versão brasileiro da loja online.

Esse utensílio de última geração custa cerca de mil reais*, oferece várias funções diferentes e promete cozinhar os alimentos 70% mais rápido. E como isso acontece na prática?

De cara, ela parece com uma panela de pressão elétrica turbinada, com um visor digital acessível e fácil de navegar. Por dentro, de acordo com o fabricante, microprocessadores ajustam tempo, temperatura e pressão para permitir preparos diferentes.

Dá para refogar legumes e cozinhar diferentes alimentos, como frutos do mar, leguminosas, massas e muitos mais. São sete modos: panela de pressão, slow cooker (ou seja, cozimento lento), panela de arroz, panela à vapor, panela para sauté, aquecedor e iogurteira — sim, ela faz iogurte.

Além das opções pré-programadas, é possível ajustar manualmente tempo e intensidade da pressão, outra baita novidade.

Avaliação da Instant Pot pela SAÚDE

O tempo realmente é uma mão na roda. O arroz branco, por exemplo, fica pronto em quatro minutos. Tutoriais no Youtube ensinam ainda a fazer uma macarronada em dez minutos e quinoa em 60 segundos.

Outra coisa legal é o fato de poder atrasar o início do cozimento para que a comida fique pronta quando você chegar em casa, por exemplo — função oferecida por modelos concorrentes.

Entre as desvantagens, estão o tamanho (é preciso garantir um bom espaço na cozinha) e o fato de a interface e os materiais de apoio serem em inglês. Não só pela questão linguística, mas porque o livro de receitas contempla o paladar estrangeiro.

Seria interessante contar com ensinamentos para preparar uma feijoada ou moqueca ali. Aliás, a autora deste texto fez uma feijoada na Instant Pot por conta própria, misturando técnicas presentes no manual. Ficou ótima, diga-se de passagem. Então, ponto para a panela! E para a cozinheira…

Outras opções

A Instant Pot não é a única panela high tech disponível no mercado. A Phillips Walitta também tem um modelo eletrônico bacana, a Viva Digital, que permite fazer de feijão à pudim — com timer para programar o cozimento.

Mas esse aparelho não tem aquele esquema sete-em-um, que é o grande diferencial da Instant Pot. Por outro lado, possui garantia de dois anos — a concorrente norte-americana oferece 180 dias.

Além dessas, há diversas opções de panela de pressão elétricas e multiuso à venda online. Em comparação à versão tradicional, todas são mais seguras, porque desligam sozinhas. Logo, não há o risco de queimar o alimento. E contam com programas para receitas do cotidiano, o que facilita a vida na cozinha. Ainda mais dos menos experientes.

Veja agora uma seleção de alternativas mais econômicas que preparamos:

Arno Multicook (clique para comprar)

Características: não cozinha na pressão, mas faz mais de 12 pratos pré-programados. Basta adicionar os ingredientes. Entre eles, estão risotos, iogurte e carnes.

Preço: R$ 339

Panela de Pressão Digital Philco 6L

Características: tem timer para programar refeições e 14 funções no painel para cozinhar diferentes pratos na pressão.

Preço: R$ 279

Panela de Pressão Digital Britania 5L

Características: são quatro receitas configuradas – arroz, feijão, mingau, carne e frango – e oferece também um modo específico para bolos.

Preço: R$269

Panela de Pressão Elétrica Electrolux PCC20

Características: de design atraente, apresenta 15 receitas pré-programadas, painel em LED e mantém o alimento aquecido.

Preço: R$ 434

Panela de pressão Mondial Master Cooker

Características: a fabricante nacional conta com 14 funções, timer e pode ser levada à máquina de levar louças.

Preço: R$ 299

*A Editora Abril tem uma parceria com a Amazon, em que recebe uma porcentagem das vendas feitas por meio de seus sites. Isso não altera, de forma alguma, a avaliação realizada pela SAÚDE sobre os produtos ou serviços em questão, os quais os preços e estoque referem-se ao momento da publicação deste conteúdo.