saudeLOGO Created with Sketch.

A tremenda influência das bactérias do intestino

Pesquisador conta o que a ciência já sabe sobre a microbiota intestinal, suas repercussões pelo corpo todo e o papel dos probióticos

A flora intestinal, o conjunto de bactérias e outros seres microscópicos que habitam nosso intestino, nunca esteve tão em alta. A cada dia surgem estudos ligando esse universo dentro do nosso ventre a processos fisiológicos importantes e ao maior ou menor risco de encarar uma série de problemas de saúde — problemas, diga-se, que não se restringem ao aparelho digestivo.

Desbalanços na microbiota, como a invasão ou a expansão de alguns tipos de micro-organismo, já são associados a perrengues na pele, nas artérias e inclusive no cérebro. Nesse contexto, também pululam experimentos com probióticos, bactérias do bem selecionadas e empacotadas para chegar ao nosso organismo por meio de suplementos e alimentos, caso de iogurtes e leites fermentados.

Para entender um pouco mais sobre esse tema cada vez mais caro à ciência e às recomendações de saúde, conversamos com Arthur Ouwehand, expert em microbiologia e nutrição e responsável pela área de pesquisa da DuPont Nutrition & Health, na Finlândia. O cientista é um dos convidados internacionais do próximo congresso do Ganepão, um dos eventos mais esperados do ano no campo da nutrição. A conferência acontecerá no Centro de Convenções Rebouças, em São Paulo, entre os dias 13 e 17 de junho.