saudeLOGO Created with Sketch.

Excesso de peso aumenta o risco de câncer de próstata

Obesidade estaria associada a formas mais agressivas da doença

O Instituto Nacional de Câncer (Inca) estima que 61 200 novos casos de câncer de próstata serão registrados no Brasil em 2016. E, segundo um estudo da Universidade de Oxford, na Inglaterra, perder aqueles quilinhos excedentes pode ajudar a barrar o problema. Os cientistas avaliaram 141 896 homens europeus, com idade média de 52 anos. A turma com maior IMC (índice de massa corporal) e cintura larga ficou mais suscetível a desenvolver um tipo agressivo de câncer de próstata. Para ter ideia, cada dez centímetros extras na circunferência da cintura aumentava em 13% o risco de encarar o tumor. Já a probabilidade de morrer por causa da doença subia 18%.

Em relação ao IMC, o risco do câncer em sua forma grave cresceu 10% para cada 5 pontos a mais no resultado do cálculo. E isso ainda elevou em 14% a possibilidade de falecer. Os autores do estudo recomendam que os rapazes tenham uma vida saudável. Aliás, esse é um recado que vale para todo mundo. Afinal, a relação entre obesidade e câncer (e vários outros problemas) está bem estabelecida.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s