Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Uvas contra as queimaduras solares?

Um pó à base da fruta agregou compostos que auxiliariam na proteção da pele ao ficar sob o sol

Por Thaís Manarini 18 abr 2021, 10h50

Todos sabem que o filtro solar é indispensável antes de se expor por aí. Mas, segundo um time da Universidade do Alabama, nos Estados Unidos, a ingestão de uva pode oferecer uma blindagem extra. Em uma experiência, os cientistas forneceram um pó feito da fruta a 19 adultos todo dia — o ingrediente correspondia a 2,25 xícaras do alimento. Após duas semanas, a pele da maior parte das pessoas resistiu mais à radiação.

A biomédica Caroline Dani, pesquisadora da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), pondera que outros estudos são necessários para avaliar se o efeito seria igual com a ingestão da uva em si. De qualquer maneira, trata-se de uma ótima fruta para inserir na rotina, já que congrega muitos atributos. “O organismo como um todo se beneficia”, avalia Caroline.

Trunfos da fruta (e do suco)

No trabalho americano, os polifenóis foram os compostos responsáveis por defender o DNA e reduzir reações inflamatórias na pele. Tais substâncias são preservadas no suco integral. Porém, Caroline avisa que há versões com conservantes, como o sulfito. “E ele é um potente alergênico”, pontua. A bebida mais segura e saudável é a pura, 100% fruta.

A biomédica ressalta ainda que há o suco reconstituído, que perde parte dos polifenóis durante o processamento. Além disso, néctares são bebidas adoçadas — e o abuso de açúcar deve ser evitado.

uva roxa e verde
Foto: Bruno Marçal (uva roxa) e Yellowpaul/Getty Images (uva verde)/SAÚDE é Vital
  • Continua após a publicidade
    Publicidade