saudeLOGO Created with Sketch.

A ração certa para seu cachorro

Engana-se quem pensa que comida para cachorro é sempre igual. Já existem rações criadas para suprir as necessidades específicas de cada raça

A ração certa para seu cachorro

A ração específica ao Yorkshire contém vitaminas e aminoácidos que melhoram a textura da pelagem e aumentam a imunidade
Foto: Getty Images

Ainda são poucos os fabricantes que se preocupam em adequar seus produtos às características dos cães, como tamanho, pelagem e musculatura, e que levam em conta ainda as propensões de cada raça a doenças. Mas alguns já aderiram à tendência dos cardápios diferenciados de acordo com as raças. Investigamos a fórmula de produtos próprios para 11 delas.

Dica: se o seu cão não pertence a nenhuma das raças, opte por rações desenvolvidas de acordo com o porte.
 

Rações indicadas para cada raça

Poodle: contém vitaminas, antioxidantes e aminoácidos que favorecem a pelagem e previnem a catarata. Substâncias como condroitina e glicosamina protegem as articulações.

Maltês: com farinha de peru e sem milho, reduz a sensibilidade digestiva. A biotina e o zinco dão brilho ao pelo.

Dachshund: o objetivo é fortalecer a musculatura e impedir o sobrepeso, que leva a problemas de coluna nessa raça. Por isso, algumas fórmulas têm protetores articulares e baixo valor calórico, além de L-carnitina.

Cocker spaniel: extratos vegetais, vitamina A e ácidos graxos previnem problemas de pele e de visão, além de reduzir o mau cheiro.

Yorkshire: vitaminas e aminoácidos melhoram a textura da pelagem e aumentam a imunidade. Pelo menos uma das rações específicas informa na embalagem a presença de substâncias que dificultam os cálculos renais, que ameaçam essa raça.

Lhasa apso: proteínas e óleo de prímula, combinados com ômegas 3 e 6, protegem o pelo e a pele, afastando alergias.

Pitbull: ele precisa de energia. Por isso, sua ração deve fornecer proteína, protetores articulares e L-carnitina para definir os músculos.

Labrador: a ração tem baixo valor energético porque ele tende à obesidade.

Pastor: contém protetores articulares contra displasias, além de vitaminas e aminoácidos para equilibrar o pH da pele, evitando alergias.

Rottweiler: o alimento é formulado para reduzir a sensibilidade intestinal, muito comum nessa raça.

Buldogue: possui altas doses de vitamina A, óleos de prímula e de peixes de água fria (fonte dos ácidos graxos ômega 3 e 6), além de proteínas para desenvolver a musculatura. Tem baixo valor calórico, o que reduz o risco de obesidade. O formato é ideal para o cão abocanhar.


A ração certa para seu cachorroGostou da matéria?
Ela faz parte do Guia da Saúde do Pet, que você pode comprar na Loja Abril por R$24,90*.
 

* Preço pesquisado em fevereiro de 2011.