Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

O caminho do café no seu organismo

Primeiro, um gole de café estimula os sentidos. Depois, desencadeia uma série de reações positivas no seu corpo. Conheça cada uma delas neste infográfico

Por Abril Branded Content Atualizado em 18 ago 2020, 10h50 - Publicado em 25 jul 2018, 11h30
Marcus Penna/Abril Branded Content

Quanto devo tomar?

Três perguntas sobre o consumo do café:

1. Qual é a dose máxima por dia?

Tudo que é exagerado faz mal. A máxima dos tempos das avós funciona nesse caso: é bom não ultrapassar cinco xícaras de 50 ml por dia.

2. Grávidas podem tomar café?

É melhor evitar, porque o estímulo provocado pela bebida pode não fazer bem para o bebê. Se a vontade for muito grande, não beba mais do que duas xícaras diárias.

3. Posso beber café à noite?

O efeito estimulante do café dura por uma a duas horas, dependendo da pessoa. Ou seja: quem dorme às 22h pode tomar café até as 20h, sem problemas. Basta fazer essa conta.

Fontes:

Continua após a publicidade

Association between coffee consumption and its polyphenols with cardiovascular risk factors: a population – based study 

The Effects of Pre-Exercise Caffeinated-Coffee Ingestion on Endurance Performance: An Evidence-Based Review 

Antioxidant and Antiradical Activity of Coffee

Coffee and gastrointestinal function: facts and fiction. A review

Caffeine Effects on Sleep Taken 0, 3, or 6 Hours before Going to Bed

Association of Coffee Consumption with Total and Cause-Specific Mortality in Three Large Prospective Cohorts 

Caffeine and risk of Parkinson disease in a large cohort of men and women 

Changes in coffee intake and subsequent risk of type 2 diabetes: three large cohorts of US men and women

Continua após a publicidade
Publicidade