Clique e assine VEJA SAÚDE por R$ 6,90/mês

Saiba tudo sobre esclerose múltipla

Principais sintomas, desafios no diagnóstico e tipos de tratamento são algumas das dúvidas que você tira nessa entrevista

Por Thaís Manarini, Theo Ruprecht - Atualizado em 30 Aug 2018, 10h09 - Publicado em 9 Sep 2017, 15h40

A esclerose múltipla é uma doença autoimune que atinge o sistema nervoso. Em resumo, o próprio corpo passa a agredir as bainhas de mielina, estruturas importantes para garantir a perfeita transmissão de mensagens entre os neurônios. Esse curto-circuito cerebral gera sintomas como fadiga, visão embaçada, tontura, rigidez muscular e déficits cognitivos.

Ao contrário do que muita gente imagina, em geral os pacientes são jovens – eles apresentam entre 20 e 40 anos. E, em sua maioria, fazem parte do sexo feminino. Infelizmente, a esclerose múltipla ainda não tem cura. Mas dá para viver bem com a doença. Confira nossa conversa com o neurologista Denis Bichuetti, da Universidade Federal de São Paulo. Nela, o profissional tira diversas sobre o distúrbio, desde seu diagnóstico até o tratamento.

Publicidade