saudeLOGO Created with Sketch.

6 destaques da maior feira de tecnologias médicas da América Latina

A última edição da Hospitalar apresentou inovações que podem melhorar a vida dos pacientes. De exames modernos a sensores que detectam quedas em idosos

A Hospitalar, a maior feira de tecnologia e inovação médica da América Latina, sempre reserva novidades que podem entrar nos hospitais, laboratórios e mesmo nas casas dos pacientes. Esses dispositivos vão de sensores para medir o estado de saúde de pessoas acamadas a câmeras que detectam a queda de um idoso (o que possibilita alertar familiares e profissionais rapidamente).

A SAÚDE esteve nesse evento e pinçou de lá seis destaques. Confira:

1. Radioterapia planejada

Radioterapia

 (Ilustração: Rodrigo Damati/SAÚDE é Vital)

A Zeiss inventou um software que permite simular a dose de um remédios que vem carregado com radição em imagens 3D antes da aplicação no paciente. É uma boa-nova contra tumores de cérebro e mama.

2. Seu rosto de amanhã

procedimentos estéticos

 (Ilustração: Rodrigo Damati/SAÚDE é Vital)

O iRejuvenation, da Amedsu, reúne e compila fotos de pessoas que vão fazer procedimentos estéticos. Ele ainda mostra as mudanças e quais serão os futuros passos do tratamento.

3. Mais conforto no leito

frequência cardíaca

 (Ilustração: Rodrigo Damati/SAÚDE é Vital)

Um biossensor israelense mede a frequência cardíaca, a respiração e os movimentos de sujeitos acamados. O melhor: o dispositivo é pequeno e não possui fios.

4. Raio x ainda mais acessível

raio x

 (Ilustração: Rodrigo Damati/SAÚDE é Vital)

O FDR Nano, da Fujifilm, faz radiografias digitais de alta qualidade. Seu grande diferencial está no peso: com 90 quilos, a máquina pode ser facilmente transportada de um local para outro.

5. Bebês examinados na barriga

grávida

 (Ilustração: Rodrigo Damati/SAÚDE é Vital)

A Siemens inventou um programa de computador capaz de identificar doenças cromossômicas como as síndromes de Down, de Patau e de Edwards de forma menos invasiva.

6. Prevenção de quedas

quedas

 (Ilustração: Rodrigo Damati/SAÚDE é Vital)

O sistema Digifall monitora os indivíduos internados por meio de câmeras e sensores. Assim, é possível evitar encrencas e alertar os enfermeiros caso algum acidente aconteça.