saudeLOGO Created with Sketch.

Pessoas com intolerância à lactose não podem comer nenhum lácteo?

Essa é uma questão que intriga muita gente com o problema

Dificilmente quem tem intolerância à lactose precisa retirar totalmente os produtos lácteos da dieta. Ainda bem! Afinal, isso implicaria uma baixa importante de vitaminas e minerais de primeira linha. Como a proporção do declínio da lactase (a enzima que quebra a lactose) é individual, a dose tolerada do açúcar do leite varia de pessoa para pessoa. Mas, de maneira geral, para não ter de abrir mão desses itens, algumas regrinhas devem ser respeitadas.

Uma delas é não tomar o leite em jejum. Se os goles forem acompanhados de outros alimentos, o processo do esvaziamento gástrico ficará mais lento. Consequentemente, a lactose irá demorar um pouco mais para alcançar o intestino delgado. Ela chegará ali aos poucos, dando tempo suficiente de a lactase ser produzida – por menor que seja a quantidade, a enzima somará forças para que o açúcar não sobre e incite desarranjos.

Leia também: Faz sentido tirar lactose da dieta por conta própria?

Outra dica está em fracionar a ingestão de lácteos ao longo do dia. Se for a bebida, em vez entornar o copo de uma vez, vale a pena beber uma parte pela manhã, com frutas e aveia, por exemplo, e deixar o restante para a hora do lanche. Quanto menor a porção ingerida, menor o risco de desencadear os sintomas desagradáveis.

Agindo assim, você terá a chance de observar como o seu organismo reage e, com a prática, poderá ajustar as medidas. A fim de facilitar a vida, hoje já existem produtos zero lactose, que ajudam a evitar sobrecargas.