bichos

Gato gordo é candidato a ter diabete

Um estudo da Universidade de Múrcia revela que em bichanos obesos, o nível de insulina chega nas alturas por Regina Célia Pereira

Um trabalho da Universidade de Múrcia, na Espanha, recrutou 37 felinos gorduchos para um programa de perda de peso que, entre outras coisas, oferecia rações mais magras. Antes da dieta, os animais passaram por exames que mediam os níveis de substâncias como a insulina. Em pets obesos, esse hormônio, que bota o açúcar nas células, fica nas alturas e aumenta o risco de diabete. Após o regime, os bichos emagreceram e voltaram a apresentar taxas normais do hormônio.

 

Artrose e doenças no fígado são outros males relacionados à obesidade nos gatos

 

Em dia com a balança

Para combater a obesidade nos gatos, o professor Archivaldo Reche Júnior, um dos maiores experts em saúde de gatos do Brasil, aconselha acrescentar comida úmida, que é menos calórica do que as rações secas, ao cardápio deles. O ideal é oferecer ambas, de acordo com o tamanho e a idade do animal. Procure também estimular brincadeiras com bolinhas para seu companheiro se exercitar.



dieta dos pontos


sinta seu coração


receitas saudáveis





Rede MdeMulher
Publicidade