FAMÍLIA Mais de família >>

Ovário policístico e gravidez

por Angelo Massaine | design Thiago Lyra

Em tese, o distúrbio atrapalha a ovulação e, em conseqüência, dificulta a gravidez. “Mas a maioria das mulheres com SOP consegue engravidar sem ajuda médica”, garante a ginecologista Carolina Vieira. No entanto, se a menstruação teima em dar as caras mês após mês, adiando o sonho da maternidade, o especialista pode entrar com medicamentos, como os estimuladores do hormônio FSH, que favorecem a libertação do óvulo e multiplicam as chances de conceber um bebê. “Em alguns casos, depois da primeira gestação, o problema dos ovários policísticos chega até a desaparecer”, diz Jorge Haddad Filho.

 
 
Rede MdeMulher
Publicidade
logo abril Copyright © Editora Abril S.A. Todos os direitos reservados. All rights reserved